Situação complicada na direção de viação: Lucinda Aukariê afastada do cargo

Bissau – A situação teve que ser muito complicada quinta-feira, no serviço de viação, onde a direitora-geral, Lucinda Aukariê, foi afastada do cargo, e colocado no seu lugar, André Déuna.

Ao dirigir-se à imprensa, o novo supervisor da instituição apontou que a sua nomeação ao cargo visa fazer funcionar a instituição tendo em consideração a situação vigente.

“O Comando Militar, na tentativa de pôr as instituições do estado a fornecerem o serviço mínimo, tal que é sabido por todos, o serviço de viação é uma direção que toca todos os setores da sociedade, eu fui contatado, de onde procuramos a antiga Direitora-Geral, à qual não se dignou vir atender. Então, as porta foram forçadas, de maneira que, no gabinete da Direitora-Geral foi encontrado o cofre com 8.325.000 francos Cfa”.

“Esse montante de dinheiro permanece intato nesse gabinete e tivemos o cuidado de compulsar toda a papelada no sentido de nos precavermos do amanhã”, avançou Déuna a quem foi conferido poder para supervisionar tudo até à formação dum novo executivo.

Finalmente, André Déuna desmentiu rumores que deram conta do desaparecimento dos mais de 8 milhões de francos Cfa que dormitavam no fundo dum cofre da direção-geral do serviço de viação em Bissau.

Fonte: RDN

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.