VIII Congresso do PAIGC começa discutir os estatutos do partido

Cacheu (GBissau.com, 5 de Fevereiro de 2014) – O VIII Congresso do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) entra hoje, quarta-feira, na sua fase mais importante com o início de debates sobre os estatutos do partido.

O começo dos trabalhos está marcado a partir das 10h00 locais, na cidade centenária de Cacheu, norte da Guiné-Bissau. Já ontem, os delegados discutiram os relatórios do Comité Central do PAIGC e do Conselho de Jurisdição Nacional (CJN) do partido.

VIII Congresso do PAIGC na cidade de Cacheu

VIII Congresso do PAIGC na cidade de Cacheu

Cerca de 1.200 delegados participam nesta reunião magna que decorre agora sob à presidência de Carmen Pereira.

Eis os pontos fulcrais no que concerne ao debate dos estatutos do PAIGC:

  • Nos estatutos actuais existe um secretário nacional com funções apenas administrativas;
  • Nos estatutos actuais existe igualmente o cargo de presidente, quem dirige o partido e encabeça a lista às eleições legislativas;
  • O candidato Braima Camará do projecto “Por uma liderança democrática e inclusiva” quer manter os estatutos actuais do PAIGC;
  • A actual coligação “Aliança para Unidade e Coesão do PAIGC” defende a mudança dos estatutos do PAIGC;
  • Esta coligação liderada por Domingos Simões Pereira defende que o PAIGC passe a ter um secretário-geral que seja cabeça-de-lista nas legislativas, passando o presidente a dedicar-se unicamente ao partido;
  • Se a proposta defendida pela ala de DSP ou seja a “Aliança para Unidade e Coesão do PAIGC” tiver a maioria da votação, o PAIGC terá os seguintes candidatos à presidência:

Carlos Correia

Satú Camará

  • Se a proposta defendida pela ala de DSP ou seja a “Aliança para Unidade e Coesão do PAIGC” tiver a maioria da votação, o PAIGC terá os seguintes candidatos ao cargo de secretário-geral:

Domingos Simões Pereira

Aristides Ocante da Silva

Cipriano Cassamá

Daniel Gomes

  • Braima Camará será certamente candidato à presidência do partido se os delegados aprovarem a manutenção dos presentes estatutos. Ainda não é claro se ele, Braima Camará, candidatar-se-á ao cargo de secretário-geral se os congressistas aprovarem a proposta da “Aliança para Unidade e Coesão do PAIGC” de Domingos Simões Pereira;
  • Como ainda não se sabe quais serão os resultados das votações, o posicionamento de cada candidato a líder (presidência e/ou secretário-geral) poderá depender do que vier a ser decidido sobre os estatutos.

 

 

 

 

 

One Response to VIII Congresso do PAIGC começa discutir os estatutos do partido

  1. Oduvaldo cartao de credito bradesco diz:

    Oi eu adoro teu blog. Eu realmente acabou de criar a minha propria pagina, aprendi muito a partir do seu site. obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.