EUA enviam tropas para o Chade em busca das estudantes nigerianas

Chade  (PNN, 22 de Maio de 2014) – Os Estados Unidos anunciaram esta quarta-feira, 21 de Maio, o envio de 80 militares para o Chade, com a finalidade de localizar as mais de 200 jovens nigerianas sequestradas pelo grupo radical islâmico Boko Haram.

Numa carta ao Congresso, o Presidente norte-americano, Barack Obama, informou que foram destacados 80 militares para o Chade, país vizinho da Nigéria, de modo a tentar encontrar as estudantes raptadas há mais de um mês. As tropas irão sobretudo trabalhar em acções de informação e vigilância.

«Este grupo vai providenciar apoio à operação de informação secreta, vigilância e reconhecimento aéreo em missões sobre o norte da Nigéria e as áreas circundantes. A força militar vai permanecer no Chade até o seu apoio na resolução de sequestro já não seja necessário», disse Obama.

De acordo com o Presidente dos EUA esta decisão teve em conta a segurança nacional e os interesses de política externa.

Estes militares juntam-se aos cerca de trinta peritos norte-americanos, que chegaram recentemente a Abuja para auxiliar o Governo nigeriano nas operações de resgate.

A 14 de Abril, centenas de alunas de uma escola na cidade de Chibok, Estado de Borno, nordeste da Nigéria, foram raptadas por militantes do Boko Haram. De acordo com as autoridades locais, das 276 raparigas sequestradas, 223 continuam desaparecidas.

Este rapto suscitou uma onda de solidariedade internacional, com vários países a enviar especialistas para Abuja, que estão a ajudar nas investigações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.