Guiné-Bissau: JOMAV procura clima de «boa vizinhança» com os países irmãos

Bissau (PNN, 28 de Maio de 2014) – O Presidente da República guineense, José Mário Vaz (JOMAV), disse que o seu desejo é ter um bom clima de entendimento e boa vizinhança entre os países limítrofes da Guiné-Bissau.

«Nós decidimos fazer esta visita de cortesia para também informar os países amigos e irmãos da Guiné-Bissau que acabámos de ser eleitos na Presidência da República e o que desejamos é mesmo criar um clima de entendimento entre nós», disse José Mário Vaz à PNN, depois da visita de algumas horas que efectuou esta terça-feira, 27 de Maio, ao Senegal.

Neste sentido, o novo Chefe de Estado guineense disse esperar uma oportunidade de aprofundamento ainda maior das relações de cooperação e de amizade com a Guiné-Bissau, tendo frisado que o Senegal se disponibilizou a acompanhar o país no seu processo de desenvolvimento.

JOMAV disse que a sua deslocação teve como finalidade desanuviar as dúvidas relativamente ao alegado mal-entendido entre Bissau e Dakar, durante o período da campanha eleitoral, tendo destacado o espírito de abertura e o ambiente de entendimento entre os dois Chefes de Estado.

«Estiveram dois irmãos a falar sobre os problemas da Guiné-Bissau e os problemas que também afectam Senegal», disse o estadista guineense.

Em relação à cerimónia da sua investidura, cuja data ainda não foi determinada, JOMAV referiu que Macky Sall não podia estar ausente da cerimónia de investidura das novas autoridades da Guiné-Bissau, sendo que o Senegal disponibilizou apoio em meios logísticos.

«Macky Sall é um irmão e não podia estar ausente da cerimónia de tomada de posse das novas autoridades da Guiné-Bissau. Ele imediatamente aceitou e disponibilizou apoio logístico para esta cerimónia», disse José Mário Vaz.

Esta quarta-feira, 28 de Maio, JOMAV deslocou-se à Republica da Guiné-Conacri onde vai manter um encontro com o Presidente Alfa Conde, com os mesmos propósitos, devendo terminar a 29 de Maio este périplo em Banjul, num encontro de trabalho com o Presidente da Gâmbia.

3 Responses to Guiné-Bissau: JOMAV procura clima de «boa vizinhança» com os países irmãos

  1. Eduardo Filipe Monteiro diz:

    Muito obrigado esperamos isso porque o camarada Presidente é muito bom e é homem de PAZ saúde e sucesso no teu mandato.

  2. taharqa diz:

    TAMBÉM JOMAV DEVE VISITAR NIGERIA E CÔTE IVOIRE E OUTROS PAISES CEDEAO PARA AGRADECER EM NOME POVO GUINEENSE

  3. carlos camara diz:

    Antes de mais nada viva a Guiné-Bissau,desejo o Sr. Presidente eleito José Mario Vaz que Deus lhes dê forças,saúde,serenidade, sinceridade,onestidade face ao grande problema que a Guiné embarca juntamente com o futuro Primeiro Ministro Sr.Domingos Simões Pereira e a todos os Guineenses em conjunto rumo ao desenvolvimento.E acho que o Sr. Presidente eleito fêz correcto de fazer uma visita de cortesia a estes países visinhos Senegal,Guineé-Conakry e Gambia afim de reforçar os laços de amizade entre os irmãos.

Responder a carlos camara Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.