Guiné-Bissau: Mais quatro membros do governo empossados 

  • Botche Candé aceita integrar o Governo de Baciro Djá apesar da sua posição inicial 

GBissau (Bissau, 17 de Junho de 2016) – O executivo do novo primeiro-ministro da Guiné-Bissau ficou completo esta sexta-feira, 17 de Junho, com os empossamentos de mais quatro membros. A cerimónia do empossamento decorreu um dia depois da nomeação do novo Ministro dos Negócios Estrangeiros, da Cooperação Internacional e das Comunidades. No seu Decreto Presidencial Nº 5/2016, o Chefe de Estado José Mário Vaz nomeou Soares Sambú para se ocupar da diplomacia guineense.

Esta manhã, Soares Sambú foi empossado ao cargo, conjuntamente com outros três governantes. Tratam-se do ministro de Estado e do Interior Botche Candé, do ministro dos Recursos Naturais, Epifânio Carvalho de Melo e do secretario de Estado do Orçamento e dos Assuntos Fiscais, José Adelino Vieira, figuras ausentes na tomada de posse da maior parte do elenco governamental, no passado dia 2 de Junho.

José Mário Vaz conferiu a posse destes adicionais membros do governo, nas presenças do próprio Chefe de Executivo, Baciro Djá, assim como doutros titulares dos órgãos da soberania.

O elenco governamental de Baciro Dja é composto por 32 membros, entre 20 ministérios e 12 secretarias de Estado. O Partido da Renovação Social (PRS) ocupa 13 pastas governamentais, fruto de um acordo interparlamentar entre este partido e os 15 deputados expulsos do PAIGC.

Botche Candé tinha sido a maior incógnita deste novo governo por ter inicialmente rejeitado a ideia de integrar este novo executivo sem o consentimento do seu partido, o PAIGC. Apesar de ter endereçado uma carta na qual esclarece a sua intenção, ainda não se sabe qual será a posição do PAIGC em relação à decisão de Botche Cande que é ate aqui membro do Bureau Politico do PAIGC e responsável pela Zona Leste (Gabú e Bafatá). Candé era até aqui o braço-direito do Presidente desta formação política guineense.

Num passado recente, o PAIGC tem optado pela via de suspensão para sancionar os seus militantes que se têm juntado o grupo dos 15 deputados expulsos deste partido liderado por Domingos Simões Pereira.

One Response to Guiné-Bissau: Mais quatro membros do governo empossados 

  1. Joe Bissil diz:

    Tudo OK

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.