Cateforia dos Arquivos: Anúncios Gratuítos

Apresentação do livro “Pérola do Estuário”, de Emílio Tavares Lima – Comunicado

Apresentação do livro “Pérola do Estuário”, de Emílio Tavares Lima – COMUNICADO DE IMPRENSA

28 de julho de 2017, 18H30 no Chiado Café Literário – Porto – ACASADABOAVISTA – Avenida da Boavista,919 – 4100-128 Porto.

Oradores convidados: Fátima Marinho e Luís Vicente.

Som: ambiente (kora) Ibra Galissa.

 

29 de julho de 2017, 19H00 no Chiado Café Literário – Lisboa – Avenida da Liberdade, nº 180D Galeria Comercial Tivoli Fórum, Piso – 1, CP: 1250-146 Lisboa.

Oradores convidados: Tony Tcheka e Carla Fernandes.

Som: ambiente (kora) Ibra Galissa.

 

Sobre o livro – Pérola do Estuário:

Dias antes do regresso das tropas colonial, para Portugal, após a proclamação da independência da Guiné-Bissau, Artur, um soldado que esteve na zona leste, maravilhou-se com a beleza singular da Djenabu, quando a viu, como veio ao mundo, ostentando a sua afortunada obra de arte, o seu corpo esbelto, com os seios firmes, deitada numa pedra a tomar o seu banho do rio corrente, no estuário do Saltinho. O seu corpo aparentava ser já de uma mulher feita, contudo, era uma adolescente com as suas belas e lizas pernas longas.

Artur regressara a Portugal, mas a imagem da Djenabu veio com ele como se de uma marca de nascença se tratasse. Tudo fez para esquecê-la, formou uma família, criou propriedades no Alentejo, mesmo assim, a imagem dela continuou a causar-lhe insónias. Uma década depois arranjou forma de voltar a guiné para a reencontrar e para então manifestar um coração perdidamente apaixonado por ela.

 

Sobre o Autor:

Emílio Tavares Lima nasceu em Canchungo (Guiné-Bissau), 04 de Agosto de 1974, é Comunicólogo, Escritor e Poeta. É Mentor e coordenador do Projecto “Djorson Nobu – Nova Geração” que publicou a Antologia Poética Juvenil da Guiné-Bissau – TRAÇOS NO TEMPO. É autor dos livros: «A Esperança é Última a Morrer» 2002, «Notas Tortas nas Folhas Soltas» 2010 e «Polon Malgos» 2013. «Finhani – O Vagabundo Apaixonado» 2012. Coletâneas: – «Poiesis» – XVIII – 2008, XIX – 2009 e XX – 2011, «Do Infinito» 2010, «II Antologia Temas Originais» 2010, Traços no Tempo -Antologia Poética Juvenil da Guiné-Bissau – vol. I, 2010 e vol. II, 2016. «Na Flor Do Ser» 2011, «Na Magia da Noite» 2012, «Recados de Paz» 2013, «Poèmes Avec Frontières» 2014, «Sebastiânica» e «Femmes d’ici_femmesnd’ailleurs» 2015.

 

Para mais informações:

O autor: emiliolima4@gmail.com ou https://www.facebook.com/opoetaemilio.lima

 

Cartaz Pérola do Estuário – 28 Julho – Chiado Café Literário, Porto

Cartaz Pérola do Estuário – 29 Julho – Chiado Café Literário, Lisboa

Pérola do Estuário de Emílio Tavares Lima – Edição Chiado

Lançamento do livro «Guiné-Bissau, das [Con]tradições políticas aos desafios do futuro»

CONVITE: Lançamento do livro «Guiné-Bissau, das [Con]tradições políticas aos desafios do futuro»

Publicidade: Conheça Agência Afroviagens

 

Não compre sem antes comparar…

E já está aqui a Afroviagens, a agência de viagem que trabalha para si. Não importa os motivos da viagem nem o meio de transporte que queira utilizar, na Afroviagens.com encontrará sempre uma solução que melhor adapte às suas necessidades individuais ou familiares.

 A Afroviagens é uma agência de viagem, cujos serviços podem ser acedidos através do seu portal na Internet, www.afroviagens.com. O portal está adoptado com as últimas tecnologias da vanguarda e conta com a parceria de mais de quinhentas companhias aéreas, aluguer de viaturas (Rent-a-Car), trezentos mil hotéis e aparthotéis em mais de noventa mil destinos em todo o mundo. E dentro em breve viagens de cruzeiros, bilhetes de comboios e autocarros

Afroviagens.com é único lugar que garante encontrar o melhor destino e ao melhor preço, tudo num alcance de um click e com uma maior segurança e privacidade. Por isso mesmo, Afroviagens.com recomenda aos clientes não comprar antes de comparar, porque a Afroviagens é uma agência que oferece os melhores preços e uma total garantia de segurança para a sua compra de bilhete online.

Não deixe que os outros decidam por si, venha a Afroviagens.com e escolha os destinos e os preços que mais lhe convém.

Na Afroviagens.com, o cliente é quem decide. Estaremos à sua espera para a sua próxima viagem.

 

Sede Central: Barcelona, telefone: + 34 632535653

Delegação: Londres Reino Unido, telefone: + 44 7424311831

e-mail: info@afroviagens.com

Agência Afroviagens

Agência Afroviagens

 

 

 

JORNADA ACADÊMICA: “FORMAÇÃO E DESENVOLVIMENTO” — Gabú, 24 a 27 de Julho de 2015

REPÚBLICA DA GUINE-BISSAU

MINISTÉRIO DA EDUCACAO NACIONAL

CENTRO DE FORMAÇÃO TÉCNICO-PROFISSIONAL E DA INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA

   LUÍS INÁCIO LULA DA SILVA

JORNADA ACADÊMICA: “FORMAÇÃO E DESENVOLVIMENTO” — Gabu, 24 a 27 de Julho de 2015

NOTA CONCEPTUAL

Actualmente, a conjuntura social, política e económica, pede o represamento do sistema de reprodução de conhecimento nas instituições académicas Guineense. Porque um dos principais metas a concorrer, no quadro da formação do homem, é o desenvolvimento.

O ensino quando é bom consegue atingir a sua finalidade que é de formar o homem para ter a capacidade de pensar os seus problemas e dar as respostas adequadas. Sobre isso, o Montaigne disse que mais vale uma cabeça bem-feita que bem cheia.[1]

No contexto guineense, a reflexão sobre a formação deveria ser mais na perspectiva de democratização e cidadanização da cognição para harmonizar de forma incisiva e produtiva a Formação e o Desenvolvimento, caso contrário permanece aquilo que chamamos de pobreza.

Hoje, há uma dúvida sobre o impacto da formação no processo de desenvolvimento do País. Pois, a interpretação destorcida do objeto e objetivo de formação vem contribuindo na incapacidade de encontrar respostas adequadas aos nossos problemas. Em vez deformação ter como objeto o conhecimento e objetivocontribuir no desenvolvimento da sociedade, passa a ter como objeto certificados/diplomas e objetivo dar respostas, exclusivamente, aos problemas pessoais. Nesta andança de contrapasso as respostas dos problemas nacionais ficam escondidas nas trevas das mentes dos nossos formados.

Os novos desafios emanados da globalização exigem pensar, pensar nos problemas para encontrar respostas necessárias.

As instituições académicas carregam, no momento, as grandes responsabilidades de encontrar saídas para não instalar a crise. Por isso, a convergência entre as instituições académicas para promoção de fóruns de reflexões torna imprescindível.Essas instituições têm que repensar o sistema de formação afim de cidadanizar a cognição com objectivo de inverter os propósitos de formação. Isto é, formar homens intelectual e humanamente para despor o seu intelecto a bem da sociedade.Na Guiné-Bissau, os saberes precisam ser democratizados para desencorajar o egoísmo e esoterismo intelectual, que só produz a desigualdade social e pobreza estrema.

É nesta perspectivaque o Centro de Formação Técnico-Profissional e Investigação Científica Luís Inácio Lula da Silva vai promover a Jornada Académica “Formação e Desenvolvimento” no próximo mêsjulho de 2015, na Região de Gabu.

Problematizar este assunto de forma democrática e inclusiva poderá mudar positivamente o paradigma do estado das coisas, e criar um novo pensar e sentir intelectual com vista a contribuir para o combate a pobreza no País.

 

  1. Objectivo Principal

Elaborar agenda académica que oriente a formação para o desenvolvimento do País.

  1. Temas:
  • POLITICA PUBLICA DO GOVERNO PARA O DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO; Orador Dr. Fernando Dias
  • TECNOLOGIAS DE CONHECIMENTO COMO OS DESAFIOS DA EDUCAÇÃO; Orador: Dr. Gibril Mane
  • FACTORES QUE CONTRIBUEM PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL; Orador Dr. Florentino Mendes
  • PAPEL DAS INSTITUIÇÕES ACADÉMICAS PRIVADAS NOS DESAFIOS DA EDUCAÇÃO . Orador Dr Leopoldo Amado
  • CIDADANIA GUINEENSE FACE AOS DESAFIOS DE GLOBALIZAÇÃO; Orador: LGDH
  • PAPEL DA CCIA NA PROMOÇÃO DE EMPREENDEDORISMO.
  1. Resultados esperados
  • Agenda académica da orientação da formação para o desenvolvimento elaborada
  • Criada Comissão Realizadora do Fórum Académica “Formação para o Desenvolvimento”
  1. Participação
  • Serão convidadas todas as instituições de formações para participarem com os seus docentes e estudantes.
  1. Condição de participação
  • 000 Fcfa para Estudantes.
  • 000 Fcfa para os Professores e outras individualidades convidadas.

Feita em Bissau, aos 08 dias do mês de Julho de 2015

 

O Coordenador

Dr. Idrissa Mane

 

Bissau, Av. Pansau Na Isna Telm 5386953, 519 6293, 535 9511,

E-mail: centroluladasilva@hotmail.com

[1][1] Cabeça Bem-Feita, Edgar Morin

Campanha: “14zinha não é o meu nome”

Começou a nossa campanha que vai de 01 a 30 de junho sob o slogan “14zinha não é o meu nome” que visa ajudar na transformação da Comunidade Guineense.
Aqui vai o link para video da campanha:

A direção do Movimento GPS
Campanha: "14zinha não é o meu nome"

Campanha: “14zinha não é o meu nome”